Sindicatos filiados à Fecomércio-MG entregam máscaras produzidas pela APAC em parceria com o Sistema

AddToAny buttons

Compartilhe
06 A 07 ago 20
Ex: 8h00 às 18h00
Botão - Tenho Interesse
Esse preenchimento não garante sua
inscrição. É apenas para fins de comunicação,
envio de novidades e informações sobre o
evento.
Doações realizadas a instituições sociais, prefeituras e empresas de comércio e serviços ajudaram a fortalecer a atuação dessas entidades.
Crédito
Fecomércio-MG

O mundo tem pressa na busca por soluções definitivas contra a pandemia do novo coronavírus (covid-19). Medicamentos e vacinas são o primeiro passo para que a humanidade conquiste a chamada “imunidade coletiva” e possa vencer a doença. Mas, enquanto isso, os cuidados sanitários, o distanciamento e o uso de máscaras continuam sendo primordiais para conciliar saúde e economia. Diante disso, o Sistema Fecomércio-Sesc-Senac-MG e a Associação de Proteção e Assistência ao Condenado (APAC) de Minas Gerais traçaram uma parceria.

Em maio, as internas das APACs de Conselheiro Lafaiete e Pouso Alegre e os internos das unidades de Campo Belo, Caratinga, Manhuaçu, Santa Luzia e São João del-Rei confeccionaram cerca de 100 mil máscaras de pano. O Sistema colaborou com a iniciativa doando, por meio do Sesc em Minas, tecidos, linhas e elásticos e emprestando 18 máquinas de costura. Com a produção pronta, parte das máscaras permaneceu na própria APAC, enquanto a outra parcela foi destinada aos 43 sindicatos filiados à Fecomércio-MG.

A ação solidária – apoiada por instituições como Brazil Foundation, Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados, Instituto Minas Pela Paz e Tribunal de Justiça de Minas Gerais – terminou de forma especial para as entidades representadas pela Federação. Os sindicatos filiados à Fecomércio-MG puderam destinar mil máscaras cada um, tanto para os representados quanto para instituições sociais, reforçando seu papel na região em que atuam.

A presidente interina da Fecomércio-MG, Maria Luiza Maia Oliveira, ressalta o caráter social da iniciativa. “Embora o uso da máscara seja obrigatório em todo o País, nem todos têm condições de adquiri-la. Por isso, a relevância dessa parceria do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac-MG com a APAC. O projeto não só incentiva a empatia, como também oferece oportunidade de acesso e uso de um equipamento de segurança essencial para este momento”, orgulha-se.

Segundo a Fecomércio-MG, um estudo recente, realizado pela Universidade de Greenwich, na Inglaterra mostra que o uso da máscara sempre ao sair em público dobra as chances de reduzir a taxa de reprodução do vírus. A análise empregou modelos matemáticos para confirmar o que foi demonstrado, na prática, durante a pandemia da gripe espanhola, em 1918. As máscaras, ainda que caseiras, são uma forma eficaz e barata de proteger que as utiliza e aos outros que estão ao nosso redor.

Em todo o Estado, os sindicatos filiados à Federação doaram esses equipamentos de proteção a instituições e empresas do setor de comércio, serviços e turismo. Para ilustrar esse momento, foram separadas ações por regiões.

Fonte: Fecomércio-MG