13 March, 2018

Fecomércio-PE apresenta Agenda do Comércio 2018

Fecomércio-PE apresenta Agenda do Comércio 2018

Crédito: Fecomércio-PE

Fecomércio-PE apresenta Agenda do Comércio 2018

Para colaborar com o desenvolvimento do setor terciário pernambucano, a Fecomércio-PE lançou, dia 13 de março, na sede da Federação, em Recife, a Agenda do Comércio 2018, com proposições dos empresários e das lideranças institucionais que representam os diversos segmentos do comércio de bens, serviços e turismo vinculados à entidade. Na Agenda, documento fruto de parceria entre a Federação e o Sebrae em Pernambuco, é possível acompanhar, detalhadamente, os dados apresentados para a construção dessas perspectivas por meio de análises econômicas. 

“Buscando colaborar com o progresso do setor terciário, a Fecomércio-PE, em parceria com o Sebrae, lança pelo quarto ano consecutivo a Agenda do Comércio, um documento de extrema importância para o setor empresarial do nosso estado, que traz uma análise do cenário econômico aliado ao olhar e à expectativa dos empresários para cada segmento, finalizando com proposições da Federação, que refletem os anseios dos empresários e buscam fortalecer a economia de Pernambuco", afirmou Brena Castelo Branco, diretora executiva do Instituto Fecomércio-PE. 

As perspectivas positivas indicadas para 2018, segundo os empresários, estão ancoradas em alguns indicadores econômicos como a economia nacional alcançando estabilidade no 1º trimestre de 2017, com variação de 0,0% depois de 11 trimestres consecutivos de variações negativas do PIB, quando comparado ao trimestre de 2016. A partir disso, registra-se o crescimento mais elevado nos trimestres subsequentes, com 0,4% no 2º trimestre e 1,4% no 3º trimestre. De acordo com a Agenda, uma modesta aceleração do crescimento da produção nacional, no fim de 2017, indica que o resultado final acumulado no ano passado deve vir a ser de um crescimento próximo de 1%. Esse indicativo soma-se ao otimismo expresso por agentes econômicos de que a economia deverá continuar apresentando desempenho positivo nos próximos anos. Em 2017, o crescimento da economia brasileira, em termos setoriais, também sofreu variações. 

Na Agenda do Comércio, ficam evidentes os desafios da atividade comercial e da prestação de serviços, dadas as mudanças estruturais no ambiente econômico nacional e mundial. Com um olhar para o futuro, duas tendências foram destacadas: o rápido crescimento do uso de novas tecnologias de informação no e-commerce e a crescente importância dos serviços na produção econômica. 

Acompanhamento legislativo

O acompanhamento legislativo promovido pela Federação também ganha espaço no documento. A Fecomércio-PE vem monitorando, desde 2012, proposições e tramitações de projetos de lei (PL) nos âmbitos federal, estadual e municipal. De janeiro a novembro do ano passado, 183 novos PLs foram analisados e classificados pela entidade. Do total, 22 projetos, sendo 8 federais, 6 estaduais e 8 municipais, estão listados em destaque na Agenda do Comércio, a exemplo do PL n° 1.572, de 2011, de autoria do deputado Vicente Cândido (PT-SP), que prevê instituir o Código Comercial.

Comments

0

Os comentários serão moderados, portanto evite o uso de palavras chulas, termos ofensivos ou comunicação vulgar. Se tiver alguma dúvida sobre o tema abordado aqui, use a nossa Área de Atendimento. Talvez a resposta já esteja lá.

Post new comment

The content of this field is kept private and will not be shown publicly.